sábado, 16 de junho de 2012

A desculpa
é esfarrapada
mas é legítima.

Nada é mais
vulnerável que
nosso desejo.
Na luta entre
o cérebro e a pele,
nunca dá empate.

A pele sempre ganha!


Martha Medeiros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário