sábado, 21 de julho de 2012

Meus olhos...

Sempre procurando pelos olhos teus
Doce magia que enfeitiça
Os olhos meus
Seus olhos...
São somente ternura quando
Olham-me com malícia
São espelhos a refletir
A imensidão do meu amor
São faíscas estes olhos teus...
A incendiar o mais profundo
Do meu eu...
São feito faróis a iluminar
Estes meus olhos, que
Somente eu sei decifrar
A luz dos olhos teus.

Zeza Marqueti

Nenhum comentário:

Postar um comentário